Abrantes Conversa com Historiador Joaquim Candeias da Silva sobre a Igreja de S.João Batista

Arquivo Municipal Eduardo Campos é palco de uma conversa com o Historiador Joaquim Candeias da Silva, sexta-feira, dia 06 de abril, pelas 21h00, com entrada livre.
Candeias da Silva fará uma abordagem sobre história religiosa da Igreja de S. João Batista, a propósito da Mostra Documental em exposição no Arquivo cuja temática é esse monumento nacional, cuja construção é anterior a 1176.
O convidado foi professor e é investigador.
Enquanto investigador e historiador, tem-se dedicado em particular ao estudo da Arqueologia e da Epigrafia romanas, da Expansão Portuguesa e das Áreas Regionais, tendo produzido até hoje dezena e meia de livros autónomos e perto de três centenas de estudos e artigos, grande parte deles sobre o passado abrantino. É membro da Academia Portuguesa da História, da Associação dos Arqueólogos Portugueses, do CEHLA (Centro de Estudos de História Local de Abrantes) e de outras agremiações socioprofissionais. Pelo trabalho realizado, recebeu já diversas condecorações, prémios, homenagens e louvores. Assim, em 1998 foi-lhe conferido, pelo Ministro da Educação, o Mérito Excecional e atribuída a menção de Excelente pela «alta qualidade da atividade desenvolvida ao longo da carreira». Em 2005 foi agraciado com a medalha de mérito municipal da Câmara Municipal do Fundão; em 2012 com a medalha de honra do Município de Abrantes; e, já em 2016, foi homenageado pelo Rotary Club de Abrantes como “Personalidade do Ano”. Foi membro da Comissão do Centenário da Cidade de Abrantes.

Scroll to Top